11 de fevereiro de 2020 jesianerocha 0Comment

 

O escritor Reginaldo José de Oliveira lançará, na próxima quarta-feira (12), o livro “Assim Vejo o Mundo”, da Editora Bagaço. A noite de autógrafos acontecerá a partir das 19h30, na Livraria Imperatriz, no Shopping Difusora. A edição conta a história, de forma clara e de linguagem bastante acessível, do paulista João Romeiro, que, com espírito de nômade e cansado da rotina, resolve largar tudo para se aventurar pelo Brasil afora.

 

Nas suas andanças, ao lado da cadelinha Bacana, João Romeiro, que tem uma inteligência incrível e uma visão peculiar da vida, compartilha histórias fascinantes, entre elas experiências em comunidades em que viveu, de pessoas comuns que conheceu, bem como fatos amorosos, pitorescos, engraçados, tocantes e de muito aprendizado, tanto para o personagem como também para o leitor. “Ele aborda temas relacionados à filosofia, antropologia, sociologia, economia, política e tecnologia, e, principalmente, à liberdade do homem”, adiantou seu Reginaldo.

 

O escritor Reginaldo José de Oliveira

 

‘Assim Vejo o Mundo’, além de nos presentear com um conteúdo maravilhoso, ensina-nos também que a nossa maior riqueza está no nosso interior, e que nunca devemos julgar a capacidade e a dignidade do outro pela aparência, suas vestes e, muito menos, pelo modo de vida que escolheu. A história nos dá lições de vida que podem marcar, para sempre, a nossa trajetória aqui na Terra, bem como contribuir para termos consciência dos reais valores que envolvem a humanidade. Por meio de elementos de grande riqueza, ao ler o livro, nos dá a sensação de fazer parte do mesmo e embarcar, junto com o personagem, nas suas aventuras. É, sem dúvidas, indicado para qualquer idade, pois nunca é tarde para se aprender a viver.

 

O início

A ideia de escrever o livro veio após seu Reginaldo tomar conhecido, através do amigo Marcondes Calazans (assina o prefácio), que em uma praça na cidade de Palmares, onde reside o escritor, estava de passagens um andarilho bastante inteligente com uma visão diferenciada do mundo. “A partir daí, fui até o seu encontro e passei a fazer isso todas as noites. As nossas conversas entravam pela madrugada, eu encantado com as suas histórias”, afirmou.

As conversas na praça duraram cerca de um mês, porém seu Reginaldo, para concluir a edição, que durou cerca de um ano para ser finalizada, teve que viajar para outras cidades, onde o nômade se encontrava, em busca de mais depoimentos.

 

 

“A minha ideia era, através de um livro, mostrar como um ‘invisível’ para a sociedade via a vida, a sua perspectiva de vida’”, disse o escritor, que já tem um livro lançado, o “Sabedoria ou Mediocridade? Diálogos no Reino Encantado das Águias”, e já prepara outro, o “Nas Asas de Caruaru”, que será finalizado ainda neste ano.

“‘Assim Vejo o Mundo’ foi um trabalho gratificante e de muito aprendizado. Foram dias de muitos ensinamentos”, finalizou o escritor, que também é coronel da reserva da Polícia Militar de Pernambuco.

Contado do autor: (81) 99750-3334

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *